STEAM EDUCATION: a Robô Ciência investe em métodos que funcionam

MÉTODO STEAM

O método STEAM (que compreende cinco bases: Ciência, Tecnologia, Engenharia, Artes e Matemática) surgiu no século XX, quando ainda era chamado de STEM e ainda não tinha a aplicação artística nos projetos. Com o tempo, o método foi sendo implantado em inúmeras escolas e faculdades ao redor do mundo. A atualização que trouxe a Arte para o método funciona para estimular a expressão criativa no pensamento científico.

DESENVOLVIMENTO DE PROJETOS

A Robô Ciência utiliza o STEAM no desenvolvimento dos projetos dos alunos, especialmente para aplicar noções de tecnologia, robótica, senso crítico e trabalho em grupo. Quando diversas disciplinas são usadas em conjunto para um projeto, a absorção de conteúdo é mais eficiente pois trabalha diversas capacidades ao mesmo tempo. A formação é dividida em cinco etapas: investigar, descobrir, conectar, criar e refletir.

APRENDIZADO

De acordo com o psiquiatra americano William Glasser, o aprendizado realizado com o método STEAM, em que o aluno é estimulado a pôr a mão na massa, apresenta até 80% de eficiência se comparado ao método tradicional (ouvir as aulas passivamente). Essa metodologia permite que o aluno coloque a mão na massa, aprenda com próprios erros, encontre soluções cada vez mais eficientes, aperfeiçoe a criatividade ou desenvolva o senso de organização e de trabalho em equipe.

A interatividade é a palavra-chave no Método STEAM

Conheça a Robô Ciência

Vamos construir o futuro?
Entre em Contato

Obrigado pela sua mensagem. Já foi enviada.
Ocorreu um erro ao tentar enviar sua mensagem. Por favor, tente novamente mais tarde.

Vamos construir o futuro?
Entre em Contato

Obrigado pela sua mensagem. Já foi enviada.
Ocorreu um erro ao tentar enviar sua mensagem. Por favor, tente novamente mais tarde.